Inocência minha pensar que o passar dos anos, a chegada da velhice propriamente dita, não me afetaria...

Inocência minha pensar que o passar dos anos, a chegada da velhice propriamente dita, não me afetaria...  Sou humana, meu Deus! Imperfeita e reles mortal como qualquer outra pessoa, a degradação material e mental acontecem. Fato.

O corpo muda gradativamente: um dia a perna dói, no outro as costas e tem dias, que dói cada pedacinho do corpo até o último fio de cabelo. O corpo envelhece e é chegada a conta dos descuidos que tivemos por décadas. O humor varia, o sono fica mexido e as certezas, ah... as certezas entram em desacordo com absurda constância. Nascem alguns medos - antes nomeados bobagens.  Mudamos conceitos e certezas dependendo da situação e, não sei se isso acontece com todos que vão se percebendo velhos, enfrentar o espelho vira um ato de coragem. Riam disso enquanto puderem!!!

A disposição é outra, acredito que ficamos seletivos (às vezes em demasia...), no que se refira à diversão, lazer e entretenimento. Não é qualquer prazer que nos diverte mais, talvez essa seja a grande prova da sabedoria que só a vivência nos permite. O que não quer dizer que só queremos coisas suntuosas ou diversões que mereçam tapete vermelho, pelo contrário, fica tudo mais simples. Um livro, uma mantinha e um sofá gostoso, com um cochilo no meio, viram artigo de luxo, tamanho o prazer em usufruir de momentos assim. Uma comida gostosa não carece mais ser servida num restaurante cinco estrelas pois a nossa casa se torna um verdadeiro castelo, o melhor lugar do mundo, já saímos querendo voltar à ela...

Madrugadas só nos servem para dormir e o dia fica sendo muito mais interessante. Questionamos mais o sentido da vida, absorvemos menos rancores e concretamente apreciamos mais e melhor nossas amizades, sem tanta cobrança, sem tanta insistência na presença física, compreendemos tranquilamente que cada qual tem sua vida para cuidar e que, quando puderem estar conosco, estarão por inteiro, pois é assim que é bom. A juventude, tão cheia de arroubos e urgências, não nos permite essa visão.

Apesar dos risos e das lágrimas ficarem mais frouxos, não é esse um mal sinal, pelo contrário, passamos a valorizar o que realmente o precisa ser. As lágrimas surgem por real emoção à flor da pele, no seu mais belo sentido, tal e qual o riso, sincero e espontâneo.

A velhice tem sim, ônus e Bônus, como tem também a juventude, sobre isso não há dúvida. Porém, entendo com o passar dos anos, que independente do quanto a matéria se deteriore, viver é e sempre será um espetáculo. Vale a pena!  

 Concordam comigo?

 Aquele abraço!

 Soraya Franco

Resultado de imagem para cumprimento

Chegou em qualquer lugar, festa, evento, casa, elevador, meio de transporte ou o que seja, é correto você cumprimentar. Pode ser um bom dia, boa tarde, boa noite ou um simples olá.

Quem chega é que cumprimenta, regra geral de etiqueta.

Depois você pode fazê-lo em separado às pessoas que você queira ter uma proximidade maior nos locais.

Por mais light que seja seu ambiente de trabalho, é importante ter cuidado ao se vestir para tal.

Nada de roupas decotadas ou transparentes, chinelos nem pensar e a maquiagem deve ser leve, nada de exageros também em relação aos perfumes e desodorantes (há que se lembrar que os colegas não são obrigados a se sentirem incomodados com excesso de cheiros, pois fica desagradável).

A higiene pessoal é o princípio básico que todos têm que se preocupar. Cabelos limpos e uma aparência bem cuidada é, sem dúvida, seu cartão de visita para todos.

Sapatos, bolsas e vestuário limpos decentemente, independente se são velhos.

Você pode ir e vir a todo e qualquer lugar, isso é fato!

O que não pode, ou melhor não deve é você infringir as regras desses locais como por exemplo, entrar com bolsas, aparelhos eletrônicos, acompanhado de animais ou crianças onde não é permitido.

Poder você pode tudo nessa vida, mas existem situações que sim, devemos respeitar indiscutivelmente as regras para um bom convívio em sociedade.

Comentários

PortalLafaiete.com.br Política de Comentários

Use e abuse do espaço, mas lembre-se de todas as regras antes de participar!

Por favor leia nossa política de comentários antes de comentar.

Participe da discussão...